Next Generation: Por que preciso priorizar a educação financeira dos meus filhos?

A educação financeira é um pilar essencial para famílias investidoras, não apenas para a gestão eficiente de recursos, mas também como a base para legados duradouros. A abordagem e o planejamento educacional das gerações futuras devem ser profundos, embasados, e focados no melhor processo de transferência de riqueza intergeracional possível.

Estima-se que 70% da riqueza geracional se esgota na segunda geração e 90% na terceira. A tendência é global. No Brasil, dizemos “pai rico, filho nobre, neto pobre” e na Itália, a perda de riqueza ao longo das gerações é ilustrada pelo ditado “do estábulo para as estrelas e de volta novamente”​​. Por essas razões, é importante que os grandes investidores considerem a educação financeira como um instrumento de proteção, que vai além de apenas conhecer o patrimônio, ou conceitos de investimentos.

Hoje em dia, há diversas formas de educar financeiramente a família e a si mesmo, por meio de cursos, fóruns, e planejamento educacional personalizado, que é útil e necessário especialmente para famílias investidoras que desejam perpetuar seus legados. As famílias podem se apoiar em gestoras de patrimônio para planejar o educacional e se conectar às fontes de educação financeira adequadas às suas necessidades.

A Importância de Começar Cedo e a Construção de Valores

A jornada da educação financeira deve começar na infância. Estabelecer uma rotina de educação que inclua compartilhamento de informações adequado à idade pode transformar membros da próxima geração em herdeiros mais conscientes. Iniciar esse processo cedo ajuda a solidificar o compromisso e a responsabilidade com o patrimônio familiar.

Além disso, a educação financeira é também uma questão de transmissão de valores. É sobre compartilhar princípios e ensinamentos que irão guiar as futuras gerações não apenas em suas decisões financeiras, mas também em como eles veem o mundo e interagem com ele. No contexto da gestão de patrimônio, esta educação é crucial para garantir a continuidade e a preservação do legado familiar.

Desenvolvimento de Responsabilidade e Autonomia

Educar os jovens financeiramente também é um veículo para desenvolver responsabilidade e autonomia, e vai além da gestão de patrimônio apenas. Ensiná-los a gerir seus próprios recursos, estabelecer orçamentos, e compreender as consequências de suas decisões financeiras é crucial para sua formação como indivíduos responsáveis e independentes.

A responsabilidade e autonomia construída por meio da educação financeira vai além das finanças em si, e pode ser útil na vida profissional e pessoal.

Preparação para Mudanças Econômicas e Mercados Globais

O cenário econômico global está em constante mudança, e a educação financeira prepara as futuras gerações para navegar neste ambiente. Isso inclui compreender as tendências econômicas, os impactos de diferentes eventos sociais, políticos e empresariais nos investimentos e a importância da adaptabilidade às novas condições de mercado. O entendimento de contexto econômico que pode ser adquirido por meio da educação financeira bem estruturada permite que os futuros herdeiros estejam mais conectados com o mundo à sua volta.

Prevenindo a Dilapidação do Patrimônio e Construindo Legados

Historicamente, muitos patrimônios são dilapidados na terceira geração. A educação financeira atua como um antídoto contra este fenômeno, ensinando as próximas gerações a valorizar, preservar e aumentar o patrimônio familiar. Compreender os princípios de uma gestão de patrimônio eficiente é fundamental para evitar a erosão financeira ao longo do tempo.

A educação financeira não é apenas sobre dinheiro; é sobre preparar os jovens para um futuro incerto, equipando-os com o conhecimento e as habilidades necessárias para gerir um patrimônio de forma sábia e responsável. Ao priorizar essa educação, as famílias com patrimônio elevado estão investindo não apenas na preservação de sua riqueza, mas também no desenvolvimento e na prosperidade das gerações futuras. Este investimento no capital humano é, talvez, o mais valioso de todos.

Entenda como o modelo dos Multi-Family Offices otimiza a gestão de patrimônio de grandes investidores

Diante de uma complexidade cada vez maior para investir, com alternativas globais de investimento e estruturas patrimoniais mais complexas, os grandes investidores passaram a sentir a necessidade de modelos mais personalizados para fazer a gestão do seu patrimônio. Neste contexto, a figura do Family Office ganha cada vez mais importância, ajudando os investidores no entendimento do seu patrimônio, na elaboração de um planejamento de longo prazo e na gestão dos seus ativos. Essa abordagem permite que objetivos, percepções e valores estejam refletidos de maneira personalizada e que este patrimônio seja transformado em um legado.

O que é um Multi-Family Office? 

Um Multi Family Office é uma empresa especializada que oferece serviços personalizados em planejamento e gestão de patrimônio para famílias e indivíduos com patrimônio elevado. Essas empresas são dedicadas a atender às necessidades financeiras exclusivas e variadas desses clientes, buscando entender o cliente, seu patrimônio, seus objetivos e valores por completo, elaborando um Planejamento de Longo Prazo eficiente. 

Os Multi-Family Offices, de maneira geral, se dedicam a entender, planejar e administrar o patrimônio de famílias ou indivíduos. Isso envolve uma série de serviços, que podem variar de um Multi-Family Office para o outro, e podem incluir gestão de investimentos, planejamento tributário, gestão de patrimônio, planejamento financeiro e sucessório, e até mesmo aspectos que vão além dos investimentos, como assessoria para questões jurídicas, contábeis e societárias, acesso a capital intelectual, acesso a capital financeiro e a estruturação de programas de educação financeira.

Como os Multi-Family Offices podem se diferenciar entre si?

A gama de soluções oferecidas para realizar a gestão de patrimônio estratégica pode não ser a mesma em todos os Multi-Family Offices, pois elas dependem da estrutura de cada um e do acesso que possuem a certos parceiros, gestores, mercados e informações. A construção eficiente de programas em investimentos alternativos, por exemplo, depende fortemente desses fatores, assim como a elaboração de estruturas que sejam, de fato, globais. 

Apesar do modelo de Multi-Family Office prezar, no geral, pela personalização dos serviços financeiros de acordo com as necessidades do cliente, esse nível de personalização também pode variar. 

Além disso, os Multi-Family Offices podem ocupar posições diferentes frente aos órgãos reguladores, o que envolve responsabilidades e obrigações fiduciárias diferentes, e um nível de alinhamento de interesse distinto.

Os Multi Family Offices também possuem modelos de cobrança diferentes. O cliente deve buscar um modelo que seja 100% transparente, e com um alinhamento total de interesses, garantindo que as recomendações de investimento estejam alinhadas à execução do planejamento financeiro de longo prazo elaborado para aquele investidor. Apenas desta forma os conflitos são mitigados.  

Quais Serviços posso esperar de um Multi-Family Office?

Um Multi-Family Office pode oferecer diversos serviços para otimizar a gestão de patrimônio de famílias ou indivíduos com patrimônio líquido elevado, incluindo: 

– Planejamento Financeiro de Longo Prazo, considerando as necessidades específicas de cada cliente

– Gestão de Ativos e Investimentos, com acesso à investimentos alternativos e aos investimentos tradicionais

– Estruturação da Governança Familiar

– Educação Financeira para as gerações atuais e futuras, com estabelecimento de diretrizes para transferência de conhecimento e valores familiares

– Planejamento Sucessório

– Apoio para Acesso ao Mercado de Capitais e Financiamentos

– Assessoria para questões jurídicas, tributárias e contábeis

– Concierge

– Gestão de Riscos e Proteção de Ativos

Esses serviços podem ser alterados ou incrementados de acordo com a necessidade de cada família, mantendo o Planejamento de Longo Prazo e a Educação Financeira no centro para entender com clareza a otimização de qualquer outro serviço. 

Eu preciso de um Multi-Family Office?

Os Multi-Family offices podem conectar famílias e indivíduos com patrimônio elevado a soluções que otimizam a gestão patrimonial, com custos acessíveis e com um nível de personalização fundamental e abrangente. 

Trabalhar com um MFO é uma escolha estratégica que pode ajudar a garantir o sucesso financeiro contínuo da família ao longo das gerações, proporcionando paz de espírito e segurança financeira e perpetuando o legado. 

Os MFOs podem ajudar as famílias e investidores a entenderem a própria complexidade financeira e patrimonial, e identificar as melhorias no entendimento, organização e planejamento da estrutura. 

Quais os benefícios de um Multi Family Office?

 Os benefícios de trabalhar com um Multi-Family Office especializado, com um time experiente e dedicado são: 

– Profissionalização da Gestão do Patrimônio

– Otimização do Tempo das Famílias 

– Alinhamento das estratégias com os objetivos e momento de vida do investidor

– Organização e entendimento do patrimônio e do fluxo de caixa para decisões mais inteligentes

– Preparação dos sucessores para receber e gerenciar o patrimônio

– Educação Financeira

– Organização da Sucessão

– Proteção do estilo de vida

– Otimização Fiscal, Fiduciária e Custos

– Perpetuação do Legado

Como escolher o meu Multi-Family Office?

Para escolher um Family Office, é fundamental realizar uma análise criteriosa para garantir que suas necessidades sejam atendidas. 

É importante que o Multi-Family Office compartilhe os seus valores. O alinhamento de visão proporciona uma parceria sustentável de longo prazo. 

Analise também a experiência da equipe, e o caminho traçado por cada um deles até aqui, garantindo que possuem de fato a especialização e expertise de que sua família precisa. 

Estabeleça a transparência como requisito básico. É vital que você entenda todos os custos e as operações do seu gestor de patrimônio, evitando surpresas desagradáveis no futuro.

Entenda também os serviços prestados e tenha certeza de que atendem às suas necessidades, e tente avaliar os recursos e a tecnologia usados para prestar esses serviços com eficiência. 

Entenda profundamente a filosofia de investimentos e evite conflitos de interesse, garantindo que o Family Office tome decisões que beneficiem exclusivamente seus objetivos financeiros. 

Compreenda como funciona a remuneração deste MFO, conhecendo todos os custos e taxas envolvidas. Encontre o modelo que tenha alinhamento total, evitando conflitos de interesse.

Escolha um MFO que proponha a você um serviço de Educação Financeira, compartilhando conhecimento para toda a família, de forma que estejam preparados para tomar decisões financeiras fundamentadas.